Tuesday, July 22, 2008

Secrets that could be revealed with knowledge and philosophy

Naquele filme Obrigado por Fumar tem o M.O.D. squad ("Mechants of Death"), o grupinho do mal que se reúne periodicamente para conspirar a favor de suas causas pouco ortodoxas. Eu participo de um grupo bem parecido com esse, aqui em SP. A diferença é que o meu grupo tem 4 membros, e conspiramos sobre os três pilares da Academia: vaidade, inveja e maledicência.

Depois de um ano sem nenhum summit, finalmente nos encontramos para engatilhar novos projetos de Hardcore Metaphysics, que é o nosso objeto principal. Instaurado o mote "Zurück zur Metaphysik", demos continuidade ao nosso projeto de dominação do mundo.

Antes de nossa reunião de hoje, um dos membros do grupo, ao me ouvir falar de umas aspirações de abandonar as minhas pesquisas em lógica em favor de uma coisa mais light, me perguntou se eu tinha dado uma de homem de lata e ido para NY para ganhar um coração. Mas a reunião de hoje parece lhe ter dado um certo alívio, me forçando a voltar a falar dos meu tão-estimados temas de anos de estudo. E, sim, eu continuo a mesma.

Mesmo depois desse hiato enorme sem grandes comunicações, nossas reuniões são tão naturais, que é como se nós tivéssemos nos encontrado pela última vez há uma semana, e não há um ano. Nada de perguntas do tipo "como está NY? está gostando?" etc. Não que eu me incomode com essas perguntas. Mas seria estranho se elas fossem feitas nesse nosso grupo.

Depois da sessão de vaidade, inveja e maledicência e listados os planos de atuação do grupo para os próximos 11 meses, nos despedimos com a maior naturalidade com um "até daqui a seis meses", quando nos reencontraremos e continuaremos a conversa que começou hoje, como se o tempo tivesse parado para esperar que nós voltemos a discutir a philosophia perennis.

Isso comprova uma coisa de que muitos já deveriam ter desconfiado: acadêmicos, assim como defensores do tabaco, das bebidas alcoólicas e das armas de fogo, não têm coração. E sinal maior de que eu encontrei um lugar ao qual eu pertenço é que eu não vejo nada de errado nisso.

No comments:

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 3.0 Unported License