Monday, February 9, 2009

Dream of Life

Bom, vamos retomar isso aqui. Ficou o teaser na semana passada; agora, vai a explicação de um dos dias mais legais em NY. Ever.

Nas minhas aventuras na ONU o ano passado, conheci um pessoal de várias ONG (aliás, como ocorre com qualquer boa sigla, o plural de "ONG" é "ONG" - e não "ONGs", ok?). Depois de uns contatos aqui e ali, entraram em contato comigo para saber se eu estava disponível para trabalhar como voluntária no Fórum da Sociedade Civil, mais especificamente na Comissão para o Desenvolvimento Social.

A idéia era fazer interpretação simultânea inglês-português e português-inglês, tal.

Mas é claro que, chegando lá, não foi bem isso o que rolou. Mas vamos por partes.

Terça-feira, 03 de fevereiro. Chego na ONU de manhã cedinho para pegar a minha credencial para o evento. Só que eles tiveram um problema de pane elétrica e demorou quase uma hora para eu conseguir pegar minha credencial. Aquela da foto no outro post.

Encontrei a senhorinha que estava organizando o evento e os outro tradutores-amadores na sala de conferência 4 da ONU, onde o evento ia acontecer. Chegando lá, ela disse que apesar de esta ser a primeira vez que todos nós estávamos passando pela experiência de fazer interpretação simultânea numa cabine, tal, podíamos ficar tranquilos, porque o evento seria pequeno: eles estavam esperando pouco mais de 300 pessoas (!!!) na platéia.

Como não houve demanda por português, sobrou para mim fazer interpretação inglês-francês (ou era isso, ou inglês-espanhol - o que não ia rolar de jeito nenhum!). E viva! Como havia outros tradutores-amadores, até que o processo foi tranquilo. É claro que, dos 15 ou 16 voluntários (entre espanhol e francês), eu era a única cuja primeira língua não era nem a língua da qual nem a língua para qual eu estava traduzindo. Todos os outros voluntários eram franceses, americanos ou chicanos. Mas até que eu me saí bem...

Apesar de não ter sido paga, a experiência foi muito legal e ainda tive a pequena boiada de receber 20% de desconto na gift shop da ONU por causa do meu passe "pseudo-permanente". Aproveitei e comprei uma carteira linda! Almocei na cafeteria, junto com o resto do staff da ONU. Foi mais "real" do que da outra vez, quando almocei no restaurante dos delegados, que é super formal e chique.

O evento foi cansativo. Foi das 9h às 17h30. Phew!

Quando saímos de lá, nevava torrencialmente. Como eu sou eu, escorreguei e (claro!) caí sentada bem na entrada da suntuosa sede das Nações Unidas. Como já estava escuro, passei meio que despercebida. Um pequeno grupo de tradutores sobreviventes foi andando em direção a Grand Central, onde minha idéia era pegar o Metro-North de volta para o Bronx. Mas aí...

No caminho, fui conversando com uma mexicana, Luz, que me contou que estava indo ao Carnegie Hall para um show: era o evento beneficente de Philip Glass em parceria com a Tibet House. A parte boa da história é que ela tinha um ingresso sobrando, porque a amiga dela não ia poder ir. Aí, ela me ofereceu o ingresso e... lá fui eu para o Carnegie Hall.

Primeiro passamos no Europa Café (onde eu comi um dos piores quiches da minha vida!), só para não morrermos de fome. Lá no Carnegie Hall, nossos lugares eram dos melhores. Lá em baixo, na platéria, bem no meio. O line-up?

Monks from the Drepung Gomang Monastery
Philip Glass
Antibalas
Steve Earle
Zack Glass
Angelique Kidjo
Keb' Mo'
The National
Patti Smith & Jesse Smith
Techung & the Lhasa Spirits
Vampire Weekend

No final, todos subiram juntos ao palco para cantar "People Have the Power" com a Patti Smith (como em 2001). Foi ótimo. Confesso que as partes exóticas foram um pouco exóticas demais às vezes, mas Patti Smith, Vampire Weekend (clique para ver vídeo no youtube), The National (idem) e, principalmente, Philip Glass, foram fenomenais!

Como já estava no Upper West Side, foi só pegar a van da faculdade direto para casa e cair na cama, porque no resto da semana ia ter muito pouco de diversão e muito, MUITO de vida real.

1 comment:

C.Dias said...

Wow! That sounds amazing! U deserve it sweety. I'm very happy for you! Take care. Cassy

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 3.0 Unported License